Pular para o conteúdo principal

Postagens

Destaque

Manu explica sobre assexualidade, de novo, devagarinho pra todo mundo entender (COM SARCASMO!) (METÁFORAS!) (E CIÊNCIA!)

Eu entendo que seja confuso. Acreditem, é mais confuso ainda pra quem é e precisa entender como e por que é assim. No processo de autoeducação, a gente tenta educar também os outros porque ouve muita, muita besteira e essas besteiras acabam ofendendo e atrapalhando um processo complicado de autoaceitação. Então, pra evitar que as pessoas das demais orientações continuem mal-interpretando os milhões de assexuais do mundo, venho aqui novamente explicar qual é a nossa.

👉 RECAPITULANDO:
Assexualidade é a orientação sexual em que o indivíduo não sente atração sexual por outros, de qualquer gênero. É ausência de atração, não de libido. Não é o mesmo que celibato, que é uma escolha de abstinência de atividade sexual.A demissexualidade (quando a atração sexual ocorre somente quando há forte vínculo emocional), muito comentada atualmente, é um espectro da assexualidade.Nem todo assexual tem repulsa e se priva de atividade sexual, embora muitos sim.Assexuais não são reconhecidos pela comunidade…
Postagens recentes

Adeus, 2017. Adeus, HCtZ.

Eu não sei se tenho como definir o que foi 2017 pra mim. A primeira impressão é de que foi tudo horrível, mas aconteceu tanta coisa legal, também, que tenho que ficar me lembrando de não ignorá-las.

Fiquei bastante doente (o fato de ninguém validar a doença não a anula - até a piora, na verdade) e me deixei abater por muito tempo, até cansar e querer me cuidar. A retrospectiva do ano passado fala sobre o que desencadeou a coisa toda. Não bastasse isso por si só já ter sido bastante difícil de lidar, afastei vários amigos próximos durante o processo. Reconheço que é chato aguentar gente deprimida; toda a reclamação, negatividade, isolamento... A gente acaba levando isso pra um lado pessoal. Entretanto, ver amigos queridos se afastando de mim foi muito doloroso e intensificou o problema. Eu já estava lidando com uma rejeição imbecil que destruiu a minha autoestima, e aí alguns acharam que era melhor desistir de mim. Uau. Eu sei que ninguém que parou de me seguir ou falar comigo vai che…

Desafio de Leitura 2017: Último relatório

Foi um ano em que, infelizmente, li poucas HQs. Não ter mais uma boa banca de revistas na cidade me tirou esse prazer. Obrigada, Rio Verde. 🖕

▼▼▼▼▼
Ficção:

Os Portões John Connolly - Bertrand Brasil - 2013 (2009) - 304p.
Outro livro divertido de um autor que descobri recentemente e que já é um favorito pessoal. John Connolly era um prolífico escritor policial na Irlanda, até que surpreendeu a todos quando lançou O Livro das Coisas Perdidas, fantasia voltada ao público jovem. Depois disso, não voltou mais para o estilo que o consagrou: escreveu Noturnos, coletânea de contos de terror, e Os Portões, uma divertida história que mistura ciência, o sobrenatural e bastante humor negro. Samuel é um garoto um pouco mal compreendido e considerado esquisito pelos professores, adultos da vizinhança e até pela mãe, recentemente abandonada pelo marido. E, é claro, é justamente ele quem testemunha um evento inacreditável: seus entediados vizinhos abriram, em um culto satânico casual, os portões do i…

Meus álbuns favoritos de 2017

Como todo ano, não priorizei muito os lançamentos. Ouvi bastante do que foi lançado em outros anos (inclusive várias coisas legais do ano passado, que só fui conhecer esse ano), então essa lista não vai ter muita coisa.
Perdemos uma boa quantidade de artistas queridos. Dentre os que eu mais admirava, se foram Chuck Berry, Chris Cornell, Chester Bennington, Tom Petty e Fats Domino. Algumas bandas resolveram dar um tempo ou terminar de vez, e algumas retomaram as atividades. Não cheguei a conhecer nenhuma nova, mas espero que venha muita coisa boa pela frente.
Estes são alguns dos lançamentos de 2017 que mais gostei de ouvir, sem ordem:


The Spark
Enter Shikari
alternative rock, electronic rock

Embora alguns dos fãs mais antigos não estejam contentes com este álbum (porque está definitivamente longe do som que os tornou característicos, lá no começo), fiquei bastante satisfeita com ele porque, ao contrário de umas e outras bandas que resolveram se aventurar em outros estilos (*tosse*Linki…

Como Ser Feliz (Ou, no Mínimo, Menos Triste)

Comprei este livro ano passado, quando as coisas na cabecinha começaram a ficar feias o suficiente pra eu admitir que precisava de ajuda. Bom, eu provavelmente deveria experimentar ajuda profissional, mas, na impossibilidade, recorri a vários placebos. Eu já havia comentado sobre ele aqui em outra postagem, mas achei legal falar novamente, agora que finalmente o levei mais a sério.
O que me chamou atenção nele, logo de cara, foi a proposta de não pretender "curar" quem o lê com frases motivacionais e pensamento positivo. O autor, que não é psicólogo, mas só um cara que passou por um momento bastante ruim, é bastante honesto desde o começo sobre o que funciona pra ele e por que ele acha válido compartilhar o que aprendeu com outras pessoas que passam pelo mesmo.

Pontuado por trechos da literatura de psicologia e experiências do autor, o livro vem com vários exercícios para que o leitor analise os aspectos do dia a dia que o deixam deprimido e sugere o que fazer a respeito de…

Desafio de Leitura 2017: Quinto relatório

Não avancei quase nada do desafio (me distraio demais com outras leituras interessantes), mas faltam poucos itens. Será que consigo até o próximo e último relatório?

Ainda estou lendo o e-book com todos os romances de Machado de Assis. Agora faltam apenas três para terminá-lo, então acho que ele entra a tempo de acabar o ano e o desafio,

Vou manter o formato de relatórios bimestrais até o fim do ano. Ano que vem, vai ser diferente.



▼▼▼▼▼
Ficção:

A Profecia das Sombras Rick Riordan - Intrínseca - 2017 - 334p.
Segundo volume da série As Provações de Apolo, mais uma saga divertida do autor, em que o egocêntrico deus está sendo punido ao ser obrigado a passar um tempo indefinido como um adolescente mequetrefe na Terra enquanto tenta resolver um problema gigantesco com os seus oráculos. Embora tenha a ajuda de alguns semideuses, Apolo está abandonado pelos outros deuses, então está aprendendo duramente sobre companheirismo, lealdade e amizade vindos de gente "inferior" a ele. O na…