27/01/2011

O Oráculo de Trofônio

Não vou falar sobre isso só porque Trofônio é um nome sexy, mas principalmente porque li a respeito há uns dias e achei muito interessante.


Oráculos são lugares para onde algumas pessoas iam (ainda vão, especialmente na Grécia) para conseguir respostas ou inspirações sobre o futuro, supostamente dadas pelas divindades consultadas. O mais conhecido deles certamente é o de Apolo, em Delfos. Hoje sabe-se que em tais lugares ocorrem determinados fenômenos naturais que explicariam as "manifestações divinas" responsáveis pelas alucinações dos que visitam os oráculos, mas não se pode negar a importância cultural que tais ocorrências deixaram.

Trofônio e seu irmão, Agamedes, eram arquitetos que construíram importantes monumentos gregos, como o templo de Apolo em Delfos, além da sala do tesouro do então rei Irieu. Mas os dois, apesar de notáveis profissionais, também eram notáveis ladrões. Na parede desta tesouraria, colocaram uma pedra solta que poderia ser retirada e assim, de tempos em tempos, poderiam ir roubando o tesouro lá guardado. Um dia, o rei Irieu ficou intrigado com o fato do seu tesouro estar diminuindo, apesar de todas as trancas estarem intactas, e armou uma cilada para pegar o ladrão. E Agamedes caiu na armadilha.

Segundo o que conta a história, Trofônio não teve como livrar o irmão e temeu que este o delatasse como cúmplice, em sessões de tortura. Então resolveu ser melhor cortar-lhe a cabeça (nota da editora: nunca mais reclame do seu irmão). Outra versão da lenda diz que Trofônio assim o fez para que não soubessem de quem era o corpo que encontrariam na armadilha. De qualquer modo, após isto, Trofônio fugiu e refugiou-se em uma caverna, para nunca mais ser encontrado (alternativamente, diz-se que a terra se abriu e o engoliu).

O local nunca foi encontrado, até que uma seca terrível se abateu sobre Lebadeia, na Beócia. Os beócios procuraram o oráculo de Delfos e pediram por ajuda, tendo sido advertidos que encontrassem o esconderijo de Trofônio, que estaria se "redimindo" de sua culpa atuando como oráculo a quem o procurasse. Muitas buscas foram feitas em vão, até que alguém notou um enxame de abelhas que se dirigia a uma fenda no chão, e resolveu seguir o sinal, encontrando assim o local procurado.

Tal fenda ficou então conhecida como o Oráculo de Trofônio, e, antes de consultá-lo, a pessoa deveria passar por um ritual peculiar, que incluía beber a água de dois rios que por ali passavam e oferecer sacrifícios a muitos deuses (descrito com detalhes aqui; o local é ponto turístico e até hoje pessoas do mundo inteiro vão até lá). Depois de feitos os preparativos, a pessoa entra na fenda estreita, o que só pode ser feito à noite. Ao terminar a consulta, a pessoa deveria sair de lá pelo mesmo caminho, mas andando de costas. Tais rituais eram tão cansativos e desgastantes que todos que de lá saíam se mostravam melancólicos e abatidos (reza a lenda que quem consulta o Oráculo de Trofônio "nunca mais encontra a felicidade"). Por conta desta lenda, surgiu uma expressão muito usada na Grécia: quando se encontra uma pessoa triste ou desanimada, diz-se que ela "esteve consultando o Oráculo de Trofônio".

.

FONTE: além do link já citado, também O Livro de Ouro da Mitologia, de Thomas Bulfinch (Ediouro, 2002).

22/01/2011

Cover: Billie Jean

Faz tempo que eu não posto covers legais por aqui. Meu humor hoje não era exatamente pra essa música, mas a que eu ia postar ninguém conhece, então fui pelo popular OH GOD. Outro dia vai a outra.

Bom, Billie Jean TODO MUNDO conhece! Daí então vou mostrar pra vocês o cover que o Chris Cornell (Soundgarden/Audioslave) fez. Porque eu gosto do Chris Cornell ok.




Billie Jean foi composta por Michael Jackson e apareceu no aclamado Thriller, em 1983, apesar de quase ter sido deixada de lado. Foi mixada 91 vezes até que uma delas fosse satisfatória. A versão do álbum é resultado da segunda mixagem, que foi sucesso absoluto nas paradas do mundo inteiro e deixou um grande legado na música pop.

► Há muita especulação sobre quem seria a Billie Jean da letra. Alguns dizem que se trata de um caso real em que uma fã com problemas mentais teria afirmado que Michael seria pai de um de seus gêmeos. Ele mesmo afirma que "Billie Jean" representa muitas mulheres, especialmente groupies.

► O vídeo acima é de quando Michael executou pela primeira vez o seu famoso moonwalk.




► O cover de Chris Cornell apareceu em seu álbum solo Carry On, de 2007. Como não foi lançada como single, não teve posição significativa nas paradas.

19/01/2011

HCtZ faz anos, o azar é só dele.

Cada ano que passa, fico mais perdida com ele.

Mas então povo, pois é, minha compilação de nonsense a que carinhosamente chamo de blog completa 2 anos! Um recorde histórico, tratando-se da hiperativa Emmanuella "você desiste muito rápido das coisas" Conte. Fazer o que, eu amo esse blog.

Mas já escrevi sobre isso no post do ano passado, que vocês poderão (re)ler aqui.
Pra uma visão mais profissional (ohoo) do meu brógue, leiam a entrevista que o Edison fez comigo para o Musicólatras.

E uma breve apresentação porque, ah vai, deixa:


16/01/2011

You need to be yourself. You can't be no one else ♪

Agora eu fico dias sem postar, daí me dá vontade de escrever uma coisa qualquer que tá na cabeça, venho aqui, enfio uma coisa qualquer do Oasis no título e beleza.

imagem irrelevante


Galera, acorda. E, quando eu digo "galera", não são vocês em particular, e quando eu digo "acorda", é pra tomar vergonha na cara, mesmo. Parem de tentar tanto ser alguém que vocês não são, ou pior que isso, tentar ser alguém pior do que você já é porque parece legal ser durão, mal-educado e com fama de mau. Não é legal, sério, parem.

Parem de andar com gente esquisita porque elas aparentemente sabem se divertir, fazendo bobeira prejudicando os outros e acabando consigo mesmos. Parem de usar porcaria porque é divertido. Ninguém é tão burro que não saiba ou não perceba os efeitos e consequências desse monte de lixo, então deixem de ser ignorantes e aprendam a se divertir de uma maneira saudável. Parem de sair de casa com a única intenção de encher a cara e voltar bêbado e acordar com uma ressaca fdp no dia seguinte. Onde é que tá a diversão nisso? Você não lembra de nada, só faz besteira, dá trabalho pros outros e paga mico. Não é porque eu não bebo que eu quero que todo mundo pare de beber, mas não precisa perder a dignidade toda vez que põe o pé pra fora de casa. Poupem-se da vergonha.

Parem de se fazer de durões. Bancar o mal educado não te faz legal, só te faz um mal educado. Não me interessa se sua mãe não te deu boas maneiras e se seu pai não te deu bons exemplos, mas a uma certa altura da vida a gente aprende as coisas que não são muito legais de se fazer ou dizer. Pra que bater boca com gente que você não conhece, pra que lavar roupa suja em público, pra que falar mal de quem você não conhece? Pra te acharem legal? Ninguém vai achar legal uma pessoa que só reclama, anda de cara fechada e faz fofoca pra quem quiser ouvir. Se você quer ser respeitado, dê-se o respeito. Do contrário, não vão te tratar melhor do que você trata os outros. Já ouviu falar em jogar merda no ventilador? 

Parem parem parem de querer parecer outra pessoa, sério, parem. Amigos, ídolos, quem for. Eles são eles, você é você. Tomem por exemplo atitudes exemplares, não as roupas estranhas e os comportamentos duvidosos. Cada um faz o que acha que lhe condiz melhor, o que não significa que seja certo ou que deva ser repetido. Não tente parecer cool. Ser cool é ser o que você é, exatamente como é, e se sentir bem com isso. Suas roupas não estão na moda, e daí? Modas vêm e vão. Use o que te faz se sentir confortável com seu corpo, com o seu clima, com o seu ambiente. E daí se seu cabelo é ruim, não para arrumado, arma e embaraça, não muda de cor nem com reza brava? Aceite as coisas que não valem a pena sofrer pra mudar. Invista em saúde, não em aparência. É muito mais bonito se sentir bem do seu jeito do que se esforçar pra mudar e não combinar com aquilo.

Eu estou consciente de que falo como alguém mais velha do que sou, e sei que não devo esperar que as pessoas amadureçam, por que isso é sempre esperar demais. Mas um pouco de noção não mata ninguém, então espero que esse post revolts ajude alguém! Sou completamente contra a falta de personalidade e incentivo o descobrimento de si mesmo, então encontre o que te faz bem de verdade e pare de copiar os outros. Ninguém quer ser mais um na multidão, ninguém repara de verdade em mais um na multidão. Destaque-se pelas coisas boas, não pelas ruins. Destaque-se pela sua originalidade, pelas suas habilidades, pelas suas qualidades, pelas suas ideias e trabalhos e esforços, não pelas suas cópias. Chega de brincar de siga-o-mestre, há tempos não temos um mestre que mereça ser seguido. Não desmereça o esforço dos outros, não tente derrubar as pessoas, não faça nada que não gostaria que fizessem com você. É só uma questão de pensar antes de fazer as coisas. Ajudem um pouco a controlar essa zona que tá esse mundo.

Mudei de assunto umas trocentas vezes, mas vocês pegaram o espírito.

12/01/2011

Jimmy Cliff

Galera por aqui sabe que eu, apesar de ouvir muito e adorar Ska, não sou lá muito fã de Reggae, salvo raras exceções. Uma dessas raras exceções é Jimmy Cliff, que conheci e comecei a amar por indicação da minha mãe.

Cliff, nascido James Chambers, é um cantor jamaicano de Ska e Reggae. Aos 62 anos, é o único músico vivo a ostentar a Ordem ao Mérito, nomeação de honra máxima concedida pela Jamaica a seus artistas e cientistas. Começou sua carreira muito cedo, e lançou seu primeiro hit aos 14 anos, depois de alguns insucessos.

Ao contrário de seus conterrâneos, Jimmy Cliff não é rastafari. Chegou a se converter ao islamismo, mas se aprofundou no conhecimento sobre todas as outras religiões.

Este ano, Cliff entrou para o Rock and Roll Hall of Fame. Bob Dylan elogiou suas composições, e muitas de suas canções foram regravadas por bandas como os Rolling Stones, Billy Idol, Lenny Kravitz e muitos outros.

Talvez o nome dele não lhes traga nenhuma lembrança, mas com certeza vocês já o ouviram por aí. Um exemplo clássico faz parte da trilha sonora do Rei Leão: Hakuna Matata! :)


Outra conhecidíssima é a sua versão de I Can See Clearly Now:


Jimmy Cliff tem uma porção de clássicos; eu poderia listar um monte deles, mas vou deixar isso com vocês!

10/01/2011

Postando do trabalho, vivendo perigosamente.

Mais pra dar notícia, mesmo. Fiquei sem internet o fim de semana todo, então estou aproveitando esses dias sem chefe pra dar uma passada aqui e dizer que não desisti de nenhum dos meus filhos. Este post não terá imagens, então vocês vão ter que se esforçar pra ler um pouco mais, haha

  • Meu pai me obrigou a comprar um notebook, então agora eu tenho um notebook. Ainda to apanhando daquele Windows 7 Starter, que é uma bela de uma porcaria, mas vamos nos acostumando. To jogando todas as músicas lá, então agora por um bom tempo não terei mais problema de espaço no HD *-*
  • Criei um outro blog, onde postarei resenhas de alguns álbuns favoritos ou que me chamaram a atenção. Chama-se Zombie Jukebox (oh, como sou original) e vocês podem acessá-lo aqui. A intenção não é fazer dele um blog de downloads porque sou cagona demais pra isso, mas vamos ver como andará a minha coragem com o passar do tempo ;)
  • Fiquei empolgadaça pra postar no Musicólatras este fim de semana, mas como a net me trollou lindamente, vou ter que deixar pra segunda-feira que vem. Vai ser lindo!
  • São 10h02 da manhã, e eu estou com fome.

Beijos e etc.

04/01/2011

Você não pode fazer isso!


Eu tenho algo a dizer
Que talvez te machuque
Se eu te pegar falando
Com aquele rapaz de novo
Eu vou te decepcionar
E te deixar arrasada
Porque eu já te disse antes:
Você não pode fazer isso!

Bem, é a segunda vez
Que eu te pego falando com ele
Vou ter que te dizer de novo
Que eu acho que isso é pecado?
Acho que vou te decepcionar
E te deixar arrasada
Porque eu já te disse antes:
Você não pode fazer isso!

Todo mundo tem inveja
Porque eu sou aquele que ganhou o seu amor
Mas se eles vissem
O jeito como você fala
Eles ririam da minha cara!

Então, por favor me escute
Se você ainda quer ser minha
Eu não consigo evitar meus sentimentos
Eu posso perder a cabeça
Eu vou te decepcionar
E te deixar arrasada
Porque eu já te disse antes:
Você não pode fazer isso!


Lennon/McCartney
@ A Hard Day's Night (1964)





Por trás deste John Lennon mais cheinho e da performance agitando as cabeleiras, que era típica da banda na época da beatlemania, existe toda uma confissão de Lennon. Mesmo antes de explicitar seus sentimentos sobre a infância em várias entrevistas e em sua carreira solo, John já demonstrava em suas primeiras letras o medo que tinha da rejeição (Lennon se sentia abandonado pelos pais, apesar da ótima criação que teve com os tios), como também a sua tendência ao comportamento violento, que foi tão presente durante o casamento com Cynthia.

**George Harrison usou uma guitarra de 12 cordas para gravar esta música.

02/01/2011

... and a new one just begun!

AEAEAE JÁ É 2011 GALERA \o/

Pois é, que seja legal.

Então, vou postar esse meme legal que achei esses dias. Vocês já conhecem meus detalhes mais podres, agora podem conhecer minha letra podre também.

O Meme Escrito À Mão:


1. Seu nome e o nome do seu blog.
2. Canhoto ou destro?
3. As letras que você mais gosta de escrever.
4. As letras que você menos gosta de escrever.
5. Escreva em letras maiúsculas: CARANGUEJO, HUMOR, CALEIDOSCÓPIO, PIJAMA
6. A letra de uma música favorita.
7. Faça um desenho qualquer e indique 7 pessoas.


E saiu isso aí, ó: (se quiserem aumentar, só clicar)



Se não tiver scanner, pode tirar uma foto do papel onde escreveu; qualquer coisa serve! :P