19/10/2011

Cruz invertida: você está fazendo isso errado

Só vou explicar uma coisinha que eu vejo bastante por aí e dou risadas internas por causa da ironia, mas achei melhor explicar pra não ficar feio pra cara de quem curte.

Acho que todo mundo já viu pelo menos uma vez uma foto de qualquer banda de Black Metal, tipo esta abaixo:


Pelo menos dois deles estão usando crucifixos invertidos (um até com Jesus e tudo, olha só que maneiro).

As bandas de Black/Death Metal (principalmente estas, embora artistas de vários gêneros façam o mesmo) são conhecidas por disseminarem a mensagem anti-Cristo pró-Tinhoso, e pra isso elas usam, além da música de qualidade duvidosa, as pinturas faciais tenebrosas, as roupas de couro com tantos spikes quanto couberem nelas e uma diversidades de símbolos malvadões, como pentagramas e o símbolo máximo do revolts, a cruz invertida.

Chocante! E o mais legal é que a galera que curte esse tipo de coisa sai tatuando o símbolo (tipo o vocalista do Deicide que o queimou na própria testa), ou usando em acessórios ou no avatar das suas redes sociais. Porque, né, todo mundo tem que saber que essa pessoa odeia o Cristianismo.

E teve uma pessoa que ostentou o mesmo símbolo tão publicamente que deixa qualquer banda de Black Metal Norueguês 666 From Hell Groarrr no chinelo. Só vou ali achar a foto, peraê...

.
.
.

Achei!


O Papa João Paulo II! :D

Mas, espera. O Papa? Anticristo? :O

Não, meus capetinhas. É aqui que entram os 5 minutinhos de Google que eu sempre recomendo que vocês gastem. A cruz invertida não é um símbolo do Satanismo.

Primeiro de tudo, ela é chamada de Cruz de São Pedro. A história não é longa: Pedro foi um dos 12 apóstolos de Jesus e, como consequência disso, foi martirizado, como todos os outros nos anos seguidos à crucificação de Cristo (perseguir católicos já era moda há 2 mil anos, "moderninhos"). Foi setenciado a morrer pela crucificação, e seu último pedido foi para que fosse crucificado de cabeça para baixo, pois ele não se achava digno de morrer da mesma maneira que seu Mestre. Desde então, o símbolo da cruz invertida foi atribuído ao santo, e alguns cristãos o adotaram como símbolo de humildade.

(São Pedro foi o primeiro Papa, por isso o símbolo no trono do Papa João Paulo II.)

Não se sabe exatamente quando foi que começaram a usar o símbolo, erroneamente, como sinal de sympathy for the devil. A Igreja alega que pode ter sido devido a um problema de tradução da própria Bíblia, quando Jesus, em uma discussão, chama Pedro de "Satanás" (quando na verdade a palavra era Ha-Satan, que significa "adversário" - Marcos 8:33). A partir da má-interpretação, houveram várias teorias da conspiração defendendo que a Igreja Católica era, na verdade, Satanista.

De qualquer forma, o símbolo da cruz invertida por si só não mudou entre os católicos, embora a cruz-invertida-com-Cristo-e-tudo seja considerada desrespeitosa por alguns. Portanto, amigos do corpse-paint, façam melhor do que isso. Mostrem suas habilidades de pesquisa e mandem ver!