Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2014

Sobre terapia e livros interativos

Há alguns anos, uma amiga sofreu um caso de roubo de identidade na Internet. Foi algo que a perturbou bastante, e ela acabou se afastando da vida online por um ano. Como mantínhamos contato principalmente pela Internet, ficamos quase esse tempo todo sem contato (salvo por alguns escassos e-mails aqui e ali). Quando se sentiu segura o suficiente para voltar a frequentar as redes sociais, ela me contou que aquele ano afastada tinha sido muito bom, comentou sobre estar fazendo terapia e começou a pregar maravilhas sobre a decisão. "Todo mundo deveria fazer terapia. Você também!".
"Não sei. Terapia, pra mim, é pagar alguém pra fingir que é meu amigo."
Confesso que comentei com um tanto de maldade. E só me lembro da resposta até hoje porque ainda tenho o mesmo pensamento a respeito de terapia. Hoje, entendo a necessidade - e até faria, se tivesse condições. E até não vejo mais problema em pagar alguém pra fingir ser meu amigo, afinal, nossos amigos não têm obrigação mor…

Meus canais favoritos no YouTube

Houve uma época em que eu, usuária recente da Internet, morria de preguiça do YouTube. Preferia baixar meus vídeos favoritos do que abrir o site pra assisti-los sempre que quisesse! Hoje, não entendo essa antipatia toda. Talvez fosse porque minha conexão era realmente devagar e eu nunca tive paciência de esperar nada carregar. Sei lá. Mas a antipatia passou, eventualmente me inscrevi por lá, favoritei centenas de vídeos, mandei alguns, acesso diariamente, e dependi bastante dele até para preparar aulas.
Com isso, colecionei algumas inscrições favoritas. Gostaria de compartilhar algumas com vocês:
1. Alltime 10s
Os vídeos são bem curtinhos, cada um com uma lista temática de 10 itens. Sem narrador, apenas música de fundo, boas imagens e curiosidades inusitadas muito interessantes. Utilíssimo para muitas das aulas que já dei, inclusive.

10 inventores mortos por suas próprias invenções:

2. Bad Lip Reading
Fui parar nesse canal procurando por outra coisa, e acabei descobrindo um dos mais …

Uma breve declaração de amor ao Streetlight Manifesto

Em agosto de 2012, o Streetlight Manifesto abriu a pré-venda para seu novo álbum, The Hands That Thieve, pela loja independente RISC Store. Como sempre, havia várias opções de aquisição: apenas o CD, o CD + o CD com as versões acústicas gravadas pelo Toh Kay, ou um bundle CD + pôster + camiseta, ou então o vinil. Enfim, tudo muito lindo e pelos preços simbólicos de sempre. Bom, por causa do alto preço do dólar, na época, e as taxas de IOF que me matam na farofa, acabei comprando só o CD, mesmo, e aguardei ansiosamente pelo lançamento, como todos os outros.
Porém,
numa treta eterna com a então gravadora, Victory, a banda não recebeu os CDs para entregar as pré-vendas. A Victory vinha aprontando com eles havia algum tempo (por exemplo, proibindo-os de postar seus vídeos no YouTube), e não entendi muito bem por que, mas entendi que a gravadora os proibiu de vender os CDs pela loja independente (os CDs foram lançados e estavam sendo vendidos por preços exorbitantes em algumas lojas espe…

Tutorial para um truque de cartas superfácil + curiosidades

Existem vários tipos de baralhos pelo mundo, com as mais diversas e controversas origens. O baralho que costumamos usar aqui no Brasil para os jogos de cartas e truques de mágica é conhecido por baralho francês. Ele é composto por 13 cartas para cada um dos 4 naipes (copas ♥, ouros ♦, paus ♣ e espadas ♠), que incluem um ás (geralmente simbolizado com o naipe em tamanho maior), as cartas numeradas de 2 a 10 (simbolizadas com os respectivos naipes na quantidade numérica condizente à carta), e três cartas figuradas. Estas representam um valete (simbolizado pela letra J, de Jack, em inglês), uma dama (simbolizada pela letra Q, de Queen, em inglês), e um rei (simbolizado pela letra K, de King, em inglês). O valor de cada carta figurada depende do jogo. Alguns baralhos incluem curingas, que só são usados em alguns jogos. Todas as cartas têm desenhos reversos, de modo que pessoas que jogam de frente uma para a outra possam ver claramente a carta jogada (pra evitar confusão entre as cartas 6…

10 coisas que me despertam a curiosidade

Apresentando o layout novo! 
Sou muito curiosa a respeito de várias coisas, e gosto de estudá-las e me atualizar a respeito, sempre que posso. Entre elas:
Línguas estrangeiras. Gostaria de ter oportunidade de continuar estudando as que comecei, e começar várias outras, mas não posso enquanto estiver morando aqui. Quase me arrependo de não ter feito Letras porque perdi a oportunidade de estudar Linguística, que também gosto muito.
Zoologia e Comportamento Animal. Era a especialização que eu gostaria de ter feito, depois que me formei, mas também não tive oportunidade para tal. Fiz alguns cursos de curta duração sobre os dois, porém, e é o que ainda me apaixona na Biologia, além de Evolução.
"Que fim levou...?". Me apego absurdamente a certos artistas favoritos, e como grande parte deles é de filmes ou programas muito antigos, estou sempre pesquisando sobre eles: que outras coisas fizeram, se ainda estão vivos, fotos recentes. Também gosto de pesquisar sobre artistas que atua…

Procurando o que assistir na Netflix? Dicas de filmes aqui!

[UPDATE: Oi! Alguns destes filmes não estão mais no catálogo da Netflix :( Mas dei novas sugestões AQUI!]

É de consenso geral mundial que a gente perde mais tempo escolhendo coisas pra assistir na Netflix do que as assistindo realmente. Pensando nisso, na condição de usuária assídua, resolvi indicar um filme de cada gênero principal de lá para que alguém sofra menos na próxima hora livre.
E não há por que reclamar do catálogo do site. Quem disse que não tem coisa boa entre as coisas velhas?
(Vou procurar fugir dos óbvios por acreditar que todos já conheçam/tenham assistido, mas se aparecer algum por aqui é porque vale repensar caso alguém tenha achado que não valia a pena)
Clique nas imagens para assistir!
▼▼▼▼▼
► AÇÃO E AVENTURA

Com roteiro de Chris Columbus (atualmente mais conhecido por ter dirigido os dois primeiros filmes da franquia Harry Potter), esse é um filme bastante divertido e empolgante!
CLÁSSICOS

Até já o sugeri aqui há uns anos, mas recomendação persiste. Há uma ver…

Sugestões de Leitura de 2014: Julho - Agosto

Sabe o que a gente deve fazer quando tá com vontade de ler um livro, mas tem receio de lê-lo porque falaram que é chato ou ruim?
A gente vai lá e lê o livro mesmo assim.
"Chato" ou "ruim" não é uma verdade absoluta, é só opinião. E você pode ter a sua, e tudo bem se ela for diferente da de todo mundo.

Seguem as leituras dos dois últimos meses, sem ordem.
▼▼▼▼▼

Wild Cards: Apostas mortais
V.A. - Leya - 2014 (1987) - 400p.
Terceiro dos 22 volumes da série (acho de bom tom que a Leya continue traduzindo todos, agora). Dei uma ideia geral da história no relatório passado, bem como o motivo do exagero no tamanho do nome de George R.R. Martin nas capas (*barulhinho de caixa registradora*). Neste volume, a história avança alguns meses desde o desfecho do último; e, ao contrário dos outros (que chegavam a abranger até décadas da história), este aqui engloba apenas um dia, com cada capítulo narrando os acontecimentos hora a hora. É o 40º Dia da Carta Selvagem, data que cele…