Pular para o conteúdo principal

Minhas 10 citações favoritas

(tema retirado de uma lista de propostas)

Sejam de livros, de músicas, filmes ou entrevistas, algumas citações nos impactam de tal modo que sentimos a necessidade de tê-las acessíveis em todos os lugares, além do mural do Facebook. Eu costumava colocá-las em camisetas.

Vai ser difícil escolher apenas dez porque memorizo muitas, muitas citações, para serem usadas nas mais diversas situações. Acho provável que eu faça outra postagem como esta, futuramente, para aproveitar o que não usei aqui agora.

Seguem as preferidas, sem ordem de preferência:

1. "I was your joke. You were my lesson." - Henry Rollins
("Eu fui sua piada. Você foi minha lição.")

Rollins é uma fonte inesgotável de citações memoráveis, mas as coisas que ele compilou em Solipsist são as que mais me chamam a atenção. Já comentei sobre o livro anteriormente e já reproduzi várias coisas que tirei de lá, aqui no blog ou no Facebook. Esta aqui, entre tantas outras favoritas tiradas do livro, explicita bem minha postura diante de pessoas ou situações que tiraram o melhor de mim. Nem sempre aprendo rápido, mas, assim que aprendo, é pra sempre.

2. "I ain't quiet - everybody else's too loud!" - The Quiet One, The Who
("Eu não sou quieto - todo mundo fala alto demais!")

Uma das poucas canções escritas pelo baixista da banda, John Entwistle, que era conhecido como o quieto da banda. Como todos os introvertidos podem muito bem confirmar, falamos pouco porque só falamos o suficiente. Se nos passamos por quietos, é porque as pessoas estão fazendo mais barulho do que precisam...



3. "Pietrisycamollaviadelrechiotemexity." - Sunny Baudelaire, em O Hospital Hostil

Sempre me perguntam "que palavra em alemão é essa?", e eu sempre tenho que explicar que essa palavra é inventada, e provavelmente um anagrama (que ninguém ainda decifrou). Sunny Baudelaire, a caçula dos irmãos protagonistas das Desventuras em Série, ainda é bebê e inventa palavras pra tudo o que quer dizer. Esta em particular quer dizer "Devo admitir que eu não tenho a mais pálida ideia do que está acontecendo", e dizem que foi a primeira palavra que ela disse, assim que nasceu. De qualquer forma, essa palavra resume basicamente a minha vida toda.

4. "A solidão desola-me; a companhia oprime-me." - Fernando Pessoa, em Livro do Desassossego

O Livro do Desassossego é um que eu gostaria de citar inteiro (cheguei perto disso algumas vezes), e o próprio Fernando Pessoa não fica atrás. Poucas citações conseguem resumir tão bem o que eu sinto em relação à minha vida. Por mais deprimente que seja...

5. "Was I wishing on satellites?" - Burn After Writing, The Menzingers
("Eu estava fazendo pedidos a satélites?")

Sim, isso explica basicamente todo sonho que deu errado.



6. "Sapere aude" - Horácio, posteriormente Immanuel Kant
("Ouse saber")

Importante o suficiente para ter sido tatuada. Kant aproveitou desta citação para divulgar seus pensamentos filosóficos na época do Iluminismo, instigando a apática humanidade acomodada a pesquisar, perguntar, se informar, buscar orientação ou descobrir as coisas por si mesmas, mas fazer algo pra combater uma ignorância tão facilmente instalada nas eras anteriores.

7. "Sabe, uma vez meu irmão me disse que nada dito antes da palavra 'mas' realmente conta." - Benjen Stark, em A Guerra dos Tronos

"Eu não sou preconceituoso, mas...", "Não está ruim, mas...", "Isso não é uma crítica, mas...". Percebem?

8. "You beg and plead, but no one here can save you. Why would they try, when they can't quite save themselves?" - The Receiving End of it All, Streetlight Manifesto
("Você implora e suplica, mas ninguém aqui pode te salvar. Por que tentariam, quando eles mal conseguem salvar a si próprios?")

Minha música favorita de uma das minhas bandas favoritas, que tem letras tão geniais que acabei tatuando o símbolo do banda de uma vez, para resumir todas as minhas citações favoritas. Esta é um lembrete constante de que não devo esperar dos outros o que não consigo de mim mesma.



9. "You can hope it gets better and you can follow your dreams; but hope is for presidents and dreams are for people who are sleeping." - People II 2: Still Peoplin'?, Andrew Jackson Jihad
("Você pode esperar que melhore e você pode seguir os seus sonhos; mas esperança é para presidentes e sonhos são para pessoas que estão dormindo.")

Este álbum todo tem letras muito boas, e essa é uma das minhas favoritas. Não é otimista, como geralmente são as minhas coisas favoritas.



10. "Quando tiver que escolher entre estar certo e ser gentil, escolha ser gentil." - Dr. Wayne W. Dyer

Vi esta citação pela primeira vez no livro Extraordinário, e desde então venho eu mesma tentando aplicar essa pequena sabedoria. Ainda mais com o acesso cada vez mais fácil à internet, é bem comum flagrar competições pela propriedade da Verdade, quando o que realmente falta é um pouco mais de tolerância pelas ideias divergentes. Acho que só com a compreensão de que não existe a Verdade Absoluta sobre Todas as Coisas do Universo é que a humanidade vai conseguir usar mais de gentileza...

Postagens mais visitadas deste blog

Algumas das bandeiras mais interessantes do mundo

As bandeiras dos países do mundo são mais do que uma demonstração de cores e padrões: cada detalhe - a escolha e predominância das cores, as faixas, os símbolos, as formas - carrega um significado histórico e/ou cultural que ensina muito sobre o país representado. Selecionei para essa postagem algumas das histórias mais interessantes.
(Não vou falar da nossa Auriverde porque todos nós já estamos carequinhas, certo?)



Reino Unido Union Flag ou Union Jack (azul, vermelho e branco)
Essa bandeira não é a da Inglaterra, como muitos pensam, mas representa os quatro países que formam o Reino Unido: Inglaterra, Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte. Esse desenho é usado desde 1801, quando a Grã-Bretanha se uniu à Irlanda do Norte, e é uma mistura das bandeiras desses países: a cruz vermelha de São Jorge (patrono da Inglaterra) sobre a cruz branca de São Patrício (padroeiro da Irlanda), por sua vez sobre a cruz de Santo André (padroeiro da Escócia). O País de Gales não está representado na …

O Dia dos Namorados e a visão de romance por uma assexual arromântica

Vejo que isso vem mudando lentamente, mas, como regra geral, todo mundo é naturalmente criado e tratado como heterossexual (e, consequentemente, heterorromântico). Eu, claro, cresci com essa absoluta certeza e não questionei isso até meados dos meus 20 anos. Até então, achei que eu só era mais "devagar" pra certas coisas, mesmo. Mas vamos ter que voltar um pouco e compartilhar informação demais.
Como expliquei na página de educação e visibilidade, o fato das orientações sexual e romântica serem coisas separadas e muitas vezes não serem correspondentes é o que mais confunde quem demora a "sair do armário". Eu mesma ainda me vejo questionando ambas, embora esteja convencida de que estou, ao menos, em algum espectro de ambas (confira a página mencionada). Não posso falar por todos os assexuais arromânticos porque, obviamente, cada pessoa é diferente da outra e as coisas são diferentes pra todo mundo. Então vou falar por mim.
Embora só tenha percebido isso recentement…

Conhece o teste de personalidade Myers-Briggs?

O MBTI (Myers-Briggs Type Indicator) é um teste psicométrico altamente difundido pelo mundo, embora não seja completamente validado pela psicologia.
Baseadas nas teorias tipológicas propostas originalmente por Carl Jung, Katherine Briggs e sua filha Isabel Myers desenvolveram este indicador na época da Segunda Guerra com a intenção de que, com tal teste, as mulheres descobrissem que trabalhos poderiam desempenhar com mais eficiência e conforto de acordo com os aspectos das suas personalidades. 
O teste considera 16 tipos de personalidades, representados por siglas que são combinações de quatro dicotomias. São elas:


EXTROVERSÃO x INTROVERSÃO SENSORIAL x INTUIÇÃO RAZÃO (Thinking) x SENTIMENTO (Feeling) JULGAMENTO x PERCEPÇÃO

Os 16 tipos são, portanto (clique para ampliar):



Ao realizar o teste, que consiste de várias perguntas a respeito de suas preferências pessoais, o indivíduo é apresentado a um relatório com a sigla das quatro dicotomias que representam seu tipo de personalidade. Um tes…