22/05/2015

Sugestão de Leitura: "A Hora da Tormenta", de Luis Maldonalle

Há um tempo compartilhei aqui com vocês uma resenha sobre o livro Sete Noites em Claro, de Luis Maldonalle, composto por sete histórias de terror. Aquele havia sido seu livro de estreia, lançado apenas em formato digital. Mas o Luis tomou gosto pela coisa e já lançou, em seguida, o thriller A Hora da Tormenta, sobre o qual vou falar agora:



(clique para aumentar)


Eu não sei se já cheguei a comentar com algum de vocês, mas uma das coisas de que mais tenho medo na vida são ciclones. Eu costumava ter pesadelos recorrentes a respeito de tufões, ciclones ou tornados me perseguindo, como se fossem coisas conscientes e com sede de Emmanuella. Não sei, exatamente, de onde veio esse medo todo, e não faz muito sentido tê-lo, morando em um país que, felizmente, não é assolado por essas coisas. A questão é que, quando o Luis me falou sobre o novo livro e eu descobri do que se tratava, respirei fundo e pensei: "Isso vai me dar mais medo que o Sete Noites...".

E é aqui que entra o ponto sobre Tormenta: o tornado F5 que foi dar um passeio na cidade não é o mais assustador na fictícia Brave Rock.









Num estilo que lembra Sob a Redoma, de Stephen King, somos apresentados a uma cidadezinha habitada pelas mais variadas personalidades - de gente normal com problemas normais e gente aparentemente normal que esconde segredos terríveis, a gente que não se esforça em parecer normal ou esconder as coisas terríveis que faz. 

Até que o tornado finalmente chegue, o curso desses personagens se entrelaça e nos mostra in loco como pode ser viver em uma cidadezinha controlada tiranicamente por uma panelinha desprezível, onde todos se envolvem, se hostilizam e, em uma demonstração do quanto o ser humano pode ser negativamente surpreendente, tomam ações extremas quanto aos seus sentimentos. Há, lógico, gente de bem em meio a tudo isso, de atitudes nobres e boas intenções. E há gente redimida, gente com uma missão, e gente disposta a deixar tudo melhor. Nada disso faz diferença, entretanto, quando Sodoma chega.

A Hora da Tormenta é uma leitura tensa e envolvente. Uma experiência que me proporcionou odiar as pessoas certas, me preocupar com o destino de outras, me indignar com injustiças e, por vezes, torcer pro tornado chegar logo. 














Abaixo, vocês conferem o book trailer:




  • Para adquirir o livro:




Encaram?

.

Mais detalhes sobre o livro no blog do autor: https://maldonalleblog.wordpress.com/ e na sua página do Facebook, com links para outras resenhas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bom senso, respeito e educação são esperados e sempre bem-vindos nos comentários. Obrigada pela visita!