Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2017

Meus 5 aplicativos favoritos

Sempre tive Windows Phone, desde que comecei a usar smartphones; gosto muito dele e não o trocaria por outro sistema, se dependesse da minha vontade. Mesmo tendo poucas opções de aplicativos (e alguns ainda serem versão beta ou desatualizada, em comparação aos apps de outros sistemas), o acho muito prático, mais organizado e gostoso de mexer.
Excetuando os apps de redes sociais, estes são os meus favoritos. Todos são gratuitos e estão disponíveis para outros sistemas, também. Procure nas suas lojas:

Duolingo
Já recomendei o Duolingo na página de dicas para estudar inglês, mas reforço a recomendação aqui. Gosto de usar o aplicativo quando não tenho muito tempo de ficar no computador, pois o Duolingo exige que você faça um mínimo de exercícios todos os dias para manter a sua pontuação. Além disso, os exercícios do app são diferentes - você mal precisa escrever, a maioria é só de clicar nas palavras certas. Por enquanto, só o estou usando para reforçar o alemão, mas já tenho vários outro…

TAG: Nunca, nunca

O mais legal das TAGs que posto é que todas são roubadas. Essa, eu roubei daqui, mas diminuí de 10 pra 5 porque tá dando muito trabalho.




5 coisas que eu nunca fiz:
1. Manter um amigo de infância. Tive amigos na infância, mas nenhum deles durou mais do que esse período. Mal e mal tenho amigos de escola com quem ainda tenho contato. Essas coisas das pessoas quererem ficar quase nunca acontecem comigo. Quer dizer, eu me mudei muito de cidade e não vou muito atrás de conversar, também; mas, né, Facebook tá aí...
2. Ir à manicure/pedicure. Nunca tive minhas unhas feitas por outra pessoa. Na verdade, eu nem faço as unhas, propriamente falando; só corto/lixo, empurro as cutículas e passo um esmalte legal (adoro esmaltes!). Até enfeito um pouco, se tiver tempo/vontade. Mas também fico semanas sem pintar.
3. Dirigir. Não tenho a mínima vontade de aprender, então nunca nem sentei no banco do motorista. Eu tenho consciência da necessidade de saber, mas também tenho consciência do quanto custa ti…

Um dia eu fiz um poema sobre o lobo-guará

Ando com muita, muita saudade da Biologia. Tenho buscado informações sobre cursos de pós-graduação em Comportamento Animal, que foi o que eu sempre quis fazer depois de me formar, mas estou com certa dificuldade em encontrar algo lato sensu e que seja de animais silvestres em vez de domésticos (e isso porque o Brasil tem uma fauna riquíssima e ainda pouco estudada). Na falta disso, tenho mergulhado em pesquisas de zoologia e me contentado com isso.
Venham aqui conhecer um bichinho nosso:


Lobo-guará  (Chrysocyon brachyurus)


Todos já ouvimos falar no lobo-guará. Ele é da família dos cães, mas é o único do seu gênero, então não está ligado a nenhuma outra espécie canina. O lobo-guará é encontrado em outros países do nosso continente, mas existe em maior abundância aqui no Brasil - ainda assim, só é considerado ameaçado de extinção por aqui. Foram encontrados fósseis de lobo-guará em nosso território datados de 3 milhões de anos, e a primeira documentação de avistamento foi em 1815. O lob…

Desafio de Leitura para 2017

Este ano, vou entrar em outro desafio para variar minhas leituras (não que eu já não leia basicamente de tudo...). Mas vou continuar sorteando os livros, claro, porque gosto de surpresas. ☺
Encontrei este, originalmente em inglês, e o traduzi e diagramei bem porcamente para o blog, assim outros interessados podem participar, também. Como este só tem 45 itens, vou continuar considerando os itens do desafio passado que não consegui cumprir, completando 50.



Até agora, já cumpri dois dos itens e já estou no terceiro. Quem sabe não me distraio muito, esse ano, e consigo completar? 
Espero que mais alguém queira participar. Não precisa fazer tudo, mas é legal ter um guia de leitura. :)

Questionário sobre livros: Redes sociais

Acho que tropecei no blog da moça sem querer, aí vi esse questionário e quis postá-lo, também. Acabo respondendo todas essas coisas sempre que vejo, mas procuro variar nas respostas. Opção pra isso eu tenho :B




Twitter: Um livro que você quer compartilhar com todo mundo.
Tecnicamente, quero compartilhar com todo mundo todos os livros que recomendo por aqui. Mas um que li recentemente e que me deixou impressionada e que eu gostaria muito que todos pudessem ler é Sapiens. Minha resenha está aqui.


Facebook: Um livro que você gostou muito e que foi recomendado por outra pessoa.
Meus amigos e minha mãe já me recomendaram livros maravilhosos que se tornaram meus favoritos (inclusive Sapiens, acima). Um que me foi indicado por dois amigos e que eu jamais escolheria pra ler não fosse eu confiar em suas recomendações foi A Menina que Roubava Livros. É o tipo de livro que eu leria várias vezes (ah, quem dera eu pudesse) e seria sempre emocionante. Minha resenha está aqui.


Tumblr: Um livro que você…

[RESENHA] "Com o Sangue Alheio", de Luis Maldonalle

No fim do ano passado, Luis Maldonalle, autor que já indiquei por aqui algumas vezes*, lançou seu terceiro livro e gentilmente me enviou uma cópia. Falo dele por aqui agora.
* Sete Noites em Claro, A Hora da Tormenta, O Coração de Gina Hall





Sinopse oficial:

Um escritor atormentado pelo horror do sucesso, com sangue em suas mãos. Uma tragédia encimada em remorso, alavancando o pior da alma humana em direção à uma armadilha.
Ódio, e uma inabalável sede de vingança, espreitando como olhos na escuridão. O trágico e recente passado de volta à sua porta.
Luis Maldonalle nos mostra como a culpa e manipulação, além da dor, podem inflingir o maior dos infortúnios ao homem, destacando a moralidade e o avesso no ser humano em um super ágil thriller psicológico.
Prepare-se para adentrar a este jogo onde quem dita as regras é o próprio predador!

.

Seguindo a mesma estrutura de A Hora da Tormenta, este livro é ambientado nos Estados Unidos e começa nos apresentando seus muitos personagens. Antes de con…